sexta-feira, 5 de junho de 2009

08 de junho - Dia do Tango no Distrito Federal

Iniciaram-se os preparativos para as comemorações do
Dia do Tango no DF
- Uma homenagem a Giovani Fabiano de Almeida -

Temos confirmados dois bailes a céu aberto com a presença de profissionais e amantes do tango de nossa Cidade.


Programe-se:

Dia 08 de junho (segunda-feira)
  • Baile a céu aberto, no Setor de Diversões Sul, na Praça Zumbi dos Palmares (em frente ao CONIC).
  • Horário: das 12h30 às 14h
  • Coordenação: João Carlos Corrêa (9202-6149)


Dia 09 de junho (terça-feira)

  • Baile a céu aberto, em frente aos Correios do Setor Bancário Norte.
  • Horário: das 11h às 12h50 (horário de almoço)
  • Coordenação: Flávia Valente (3273-2023)

PROGRAME-SE (Dança) - XYZ 2009

Correio Braziliense
05/06/2009


XYZ 2009
Projeto que reúne grupos e artistas da dança contemporânea no projeto. Com direção geral e curadoria de Marconi Valadares.

Programação:

Sexta (05/06)
Origem... Corpo sonoro
Sala Martins Penna – 21h
Núcleo Alaya Dança
Direção - Lenora LoboClassificação indicativa: 12 anos


Sábado (06/06)
Foyer da Sala Martins Penna – 18h30
Entrada Franca
Classificação indicativa: 14 anos

Performance: Para Todas as Marias
Cris Oliveira / Carlos Arão– Belo Horizonte - MG

Performance: Cidade em Plano
Antistatusquo – Brasília

Performance: Desconexadança
Ary Coelho – Brasília

Performance: Samambaia
Margarida Grupo de Dança – Brasília

Domingo (07/06)
O corpo é a mídia da dança?
Sala Martins Penna – 20h
Vanilton Lakka – Uberlândia - MG
Direção: Vanilton Lakka (30min)

Coca Cola e Guaraná
Cris Oliveira e Carlos Arão - Belo Horizonte - MG
Cris Oliveira e Carlos Arão (30 min)
Classificação indicativa: 12 anos

Workshops Gratuitos Para Bailarinos e Atores

Local: Centro de Dança do DF
Setor de Autarquia Norte Quadra 01 Bl. E
Inscrição por telefone (33471953) ou por e-mail (mostradedancaxyz@dancaxyz.com.br)
Vagas: 20 para cada workshop

Dia 6 – 9h30 às 12h30
Workshop com Cris Oliveira e Carlos Arão – MG

Dia 6 – 14h30 às 17h30
Workshop com Giselle Rodrigues - DF

Dia 7 – 9h30 às 12h30
Workshop com Luciana Lara - DF

Dia 7 – 14h30 às 16h30
Workshop com Vanilton Lakka – MG

Debate – Os Caminhos da Dança Contemporânea Brasileira

Dia 6 de junho, sábado – das 10h30 às 13h30
Local: Centro de Dança do DF
Setor de Autarquia Norte Quadra 01 Bl. E
Entrada Franca
Mediação: Yara De Cunto (Pesquisadora)

Local: Teatro Nacional Cláudio Santoro - Setor Cultural Norte - Asa Norte - 325-6109
Data: Quarta a domingo, às 19h, 20h e 21h (ver programação)
De: 03/06/2009
Até: 07/06/2009
Informações: (61) 3325-6239

PROGRAME-SE (Exposições)

Correio Braziliense
05/06/2009

A Linha e o Sujeito: um diálogo com o Acervo CAIXA
Virada Russa
Latitudes: mestres latino-americanos na coleção Femsa
O gravador Roberto Burle Marx no Ateliê Ymagos
Lágrimas de São Pedro — Acalento ao sertão nordestino
Quem tem medo de olhar para cima
PostFab/Untitled
Estereótipos
Miscelânea de cores
Paisagens Neuronais
Brasília 50 anos
Garimpo em forma
Um Novo Cardume - luminárias-esculturas de Lucas Isawa
Hansen Bahia- Restauração do Acervo - 73 obras

PROGRAME-SE (Festas)

Correio Braziliense
05/06/2009

Play!
In the Lake
Rock Junino
Festa da Padroeira no Movimento Eureka de Brasília

PROGRAME-SE (Festas Juninas)

Correio Braziliense (DF)
05/06/2009

Festa Junina do Iate
Arraiá da Candanga
Arraiá da Acadimia
Festa Junina da UCB
Festa do Seu João 2009 - Uma Festa Junina Muderna
São João da ASBAC

PROGRAME (Lazer)

Correio Braziliense (DF)
05/06/2009

Humanité - Uma teoria do contemporâneo
Festival do Filme Europeu
A Permanência do Tempo – Filmes de Johan van der Keuken
17ª Expotchê
A Nova Ficção Francesa
A Cabeça do Futebol
Circo Nacional da China

PROGRAME-SE (Música)

Correio Braziliense (DF)
05/06/2009

Dorival para sempre Caymmi
Boteco Cultural - Circuito Musical
Rafael Lima e Satisfaction
Lenine
Beatlemania e Cloning Stones
Gisele Meira
Banda Tocaia
Recantos do Brasil - Minas Gerais
Skatalites
Miriam Marques
Geriatric Blues Band
Deborah Vasconcellos
Vitrine e Dínamo Z
Pôr do sol
Sou Balanço
Feliu Gasull
Todos os sons

PROGRAME-SE (Teatro)

Correio Braziliense (DF)
05/06/2009

O casamento do pequeno burguês
Deus e o diabo no bar da esquina
Mostra Internacional de Teatro
Gota d’água
O segredo para o suce$$o
Jogando no Quintal
Rir para não estressar
Dois perdidos numa noite suja

Teatro Infantil:
O Pequeno Príncipe

Espetáculo de Chico Buarque

Tribuna do Brasil (DF)
05/06/2009

Recém chegada de Portugal, estreia em Brasília a peça Gota d’água, de Chico Buarque e Paulo Pontes. Depois de uma temporada de sucesso além mar, o espetáculo estará na cidade de hoje a domingo, no Teatro Nacional. No elenco principal, estão, no papel de Jasão, Cláudio Lins – filho de Ivan e Lucinha Lins – e Izabella Bicalho, no papel de Joana. Izabella é uma das mais conhecidas Narizinho do Sitio do Picapau Amarelo.

Em 1975, Chico Buarque e Paulo Pontes escreveram um texto que se tornaria um clássico nacional. Uma adaptação, para a realidade brasileira, da tragédia Medeia, de Eurípides. O resultado foi o espetáculo Gota d’água, um musical inédito estrelado por Bibi Ferreira, que conquistou críticos e público, marcando época no teatro brasileiro numa temporada de absoluto sucesso.

Em um conjunto residencial chamado Vila do Meio-Dia, localizado dentro de uma favela, nos subúrbios de uma grande cidade brasileira, mora Joana, uma mulher corajosa e batalhadora, abandonada pelo marido Jasão, que a trocou por uma menina muito mais jovem e rica.
A peça começa com os vizinhos discutindo a situação de Joana e sua sorte infeliz. Alguns são a favor de Jasão, mas, a maioria, indignada com suas atitudes, demonstram preocupação com o desespero e angústia da protagonista. A angústia e o desespero de Joana, causados pela enorme dor da traição, evoluem ao longo da peça até culminarem no trágico final.

Sob a direção de João Fonseca, esta é a primeira grande montagem deste clássico nacional desde o espetáculo de sucesso estrelado por Bibi Ferreira em 1975. Nesta versão, a protagonista não se chama mais Medeia e sim Joana. E seu amado traidor Jasão luta pelo sucesso em sua carreira como sambista.

Espetáculo Gota d’água
Sala Villa-Lobos,
Teatro Nacional de Brasília
Dias5, 6 e 7 de junho
Sexta e Sábado, às 21h e domingo, às 18h
Ingressos: R$ 70,00 (inteira) e R$ 35,00 (meia)
Classificação 16 anos
*meia entrada na doação de um
agasalho ou 1 kg de alimento
não perecível

Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 05 de junho de 2009

A Babel nos palcos

Tribuna do Brasil (DF)
05/06/2009

Mostra Internacional reúne em Brasília artistas da Argentina, Itália, Rússia e França

O mês de junho em Brasília será marcado pelo teatro. De hoje até o fim do mês acontece no Centro Cultural Banco do Brasil a MIT (Mostra Internacional de Teatro). Nos próximos finais de semana, Brasília poderá apreciar o trabalho de artistas e coletivos renomados em todo mundo, verdadeiros expoentes da cultura cênica mundial.

No elenco dessa potente trupe estão o trabalho do Teatro Licedei, o mais importante grupo de clowns da Rússia, criado por Slava Polunin, um dos maiores nomes do Cirque du Soleil. Haverá também espetáculo considerado responsável por renovar o teatro de sombras na Europa, o Gioco Vita, da Itália. A adaptação teatral de um roteiro de Jean-Claude Carrière, grande nome do cinema mundial, pela Studio Théâtre de Stains, será a atração francesa. E uma verdadeira aula de teatro com a Cia Timbre 4, da Argentina, no primeiro espetáculo dirigido pelo prestigiado encenador Claudio Tolcachir.

As atrações da edição 2009 da MIT são comédias, tragicomédias, teatro de sombras, teatro de marionetes e clown que mergulham fundo na investigação da alma humana. A mostra, que já está em sua quinta edição, já presenteou a cidade com o prazer de assistir encenações assinadas pelos grandes diretores de teatro de todos os tempos, como Fragments, do mestre Peter Brook, e Sonhos de Andersen, em 2008, além de obras-primas como Gemelos, da Cia La Troppa, do Chile, em 2005, sem falar na impactante encenação de Mãe Coragem e seus filhos no Purgatório, uma livre adaptação de A Divina Comédia, de Dante, e de Mãe Coragem e seus filhos, de Brecht, feita pela Karlik Danza Teatro, da Espanha, e Teatro Del Silêncio, do Chile, em 2007, além vários outros espetáculos.

Para a edição de 2009, a MIT contará com espetáculos de linguagens bastante diversas, mas que apresentam um ponto em comum: todos eles investigam questões relacionadas à convivência do ser humano.

O espetáculo de abertura, A Omissão da Família Coleman, da companhia Timbre 4, da Argentina, é uma tragicomédia sobre a incapacidade de convivência e pode ser visto de hoje a domingo. Na semana seguinte, apenas no sábado e no domingo, dias 13 e 14, é a vez de Pepe Stela, um belo e profundo trabalho do Teatro Gioco Vita, da Itália, que conta, na linguagem do teatro de sombras, a história de amizade entre um menino e um potro.

Na terceira semana, riso solto com o trabalho clownesco do Teatr Licedei, da Rússia, no espetáculo Semianiky (A Família), que fala sobre uma família quase impossível. Em cartaz nos dias 19, 20 e 21. E encerrando a mostra, a sutileza do texto de Jean-Claude Carrière numa adaptação para o teatro. É O Jovem Príncipe e a Verdade, do Studio Théâtre de Stains, na França, que combina máscaras e marionetes e poderá ser visto de 26 a 28 de junho.

Estreia espetáculo de humor negro

A Omissão da Família Coleman conta a história de uma família argentina de classe média baixa que atravessa uma situação econômica muito difícil. Memé, a mãe, é muito infantil para lidar com tudo o que enfrenta. Seus filhos, quatro jovens adultos, têm, cada um, seus próprios problemas. A avó é a autoridade moral da casa.

A vida vai correndo com normalidade até ao dia em que a avó fica doente. No hospital, todos aproveitam para se aquecer, comer, tomar banho porque em casa já não é possível. Os conflitos acentuam-se e a família Coleman vai-se debatendo entre o absurdo do cotidiano e a violência.
O humor é negro e corrosivo e vai levar o espectador a reconhecer nos Coleman algumas de suas próprias tragédias familiares. A Família Coleman vive no limite da dissolução, uma dissolução evidente, mas secreta convivendo numa casa que os contém e detém, construindo espaços pessoais dentro de espaços compartilhados, cada vez mais complexos de conciliar, os Coleman traduzem, com muita graça, situações contemporâneas.

Uma convivência impossível, na qual a violência se instala como natural e patética e onde se ignora o outro. A Omissão da Família Coleman é a primeira obra do autor e encenador Claudio Tolcachir, conhecido pelo desempenho como ator no filme O Passado, de Hector Babenco.

PROGRAMAÇÃO

Dias 5, 6 e 7
A Omissão da Família Coleman –
Cia Timbre 4 (Argentina)
Classificação 14 anos

Dias 13 e 14
Pepe Stela – Teatro Gioco Vita (Itália)
Classificação livre

Dias 19, 20 e 21
Semianiky (A Família) –
Teatr Licedei (Rússia)
Classificação 12 anos

Dias 26, 27 e 28
O Jovem Príncipe e a Verdade –
Studio Théâtre de Stains (França)
Classificação livre

MIT 2009 – MOSTRA
INTERNACIONAL DE TEATRO


Teatro do Centro Cultural
Banco do Brasil Brasília
De hoje a 28 de junho de 2009
Sexta e sábado, às 21h e domingos, às 20h
Ingressos: R$ 15,00 (inteira) e R$ 7,50 (meia)


Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 05 de junho de 2009

ROTEIRO CULTURAL

Tribuna do Brasil
05/06/2009

3D Jonas Brothers - O Show
(Jonas Brothers: the 3D concert experience, EUA, 2009)
Registro da turnê Burning up, de 2008, da banda Jonas Brothers Diretor: Bruce Hendricks. Gênero: Musical. Duração: 76 minutos Elenco: Kevin, Joe e Nick Jonas. Cinemark 12 - 14:05(dublado) 15:55(dublado) 17:55(dublado) 19:45(dublado) Cinemark 3 - 11:30(dublado) 13:30(dublado) 5:25(dublado) 17:20(dublado) 19:20(dublado) 21:15(dublado) 23:10(dublado) Park 4 - 14:00(dublado) 15:50(dublado) 17:40(dublado) 19:30(dublado) 21:20(dublado). Classificação livre


A Festa do Garfield
(Garfield's fun fest, EUA, Coreia do Sul, 2008)
Garfield precisa largar a preguiça de lado para enfrentar um inimigo e conquistar uma garota. Diretor: Mark A.Z. Dippé e Eondeok Han Gênero: Animação. Duração: 79 minutos. Horários e Salas Arcoplex 2 - 14:00 (dublado) 15:40(dublado) Cine Premier Sobradinho 2 - 15:30(dublado) 17:30(dublado) 19:20(dublado) 21:00(dublado) Cinemark 4 - Taguatinga - 15:10(dublado). Classificação livre

A Mulher Invisível
(Brasil, 2009)
Recém-divorciado inicia relacionamento com mulher perfeita que ele mesmo inventou. Diretor: Cláudio Torres. Gênero: Comédia. Duração: 105 minutos. Elenco: Selton Mello, Luana Piovani e Vladimir Brichta. Brasília 2 - 21:40 Cinemark 8 - 19:50 22:15 Park 5 - 19:40 21:50 Pátio 1 - 22:00 Terraço 1 - 19:10 21:30. Classificação 14 anos

Anjos e Demônios
(Angel & demons, EUA, 2009)
O professor Robert Langdon investiga o assassinato de importante cientista para impedir ataque terrorista ao Vaticano. Diretor: Ron Howard. Gênero: Ação. Duração: 140min. Elenco: Tom Hanks, Ayelet Zurer e Ewan McGregor. Academia de Tênis 1 - 16:10 19:00 21:50 Arcoplex 3 - 13:20 16:00 18:40 21:20 Brasília 3 - 15:00 18:00 20:50 Cinemark 11 - 13:10 16:10 19:10 22:20 Cinemark 13 - 11:00 13:55 17:05 20:05 23:15 Cinemark 2 - Taguatinga - 12:30 15:20 18:10 21:20 Cinemark 4 - 12:05 15:15 20:35 Cinemark 5 - 11:55 14:55 17:50 21:00 Cinemark 6 Taguatinga - 14:20 19:30 Cinemark 7 - Taguatinga - 11:50(dublado) 14:50(dublado) 17:50(dublado) 20:50(dublado) Deck Norte III - 16:10 19:00 21:40 Embracine 2 - 15:20 18:10 21:00 Embracine 5 - 14:40 17:40 20:30 Liberty 3 - 14:00 16:50 19:40 Liberty 4 - 15:25 18:15 21:05 Park 2 - 14:50 17:40 20:30 Park 10 - 15:00(dublado) 18:00 21:00 Park 11 - 19:10 Pátio 2 - 15:20 18:10 21:00 Pátio 5 - 15:00(dublado) 17:50(dublado) 20:40(dublado) Terraço 3 - 15:00(dublado) 18:00 20:50. Classificação 16 anos.

Budapeste
(Brasil/ Hungria/ Portugal, 2009)
Baseado no livro de Chico Buarque, narra a história de um ghost writer que se divide entre a família no Brasil e um romance em Budapeste. Diretor: Walter Carvalho. Gênero: Drama. Duração: 113 minutos Elenco: Leonardo Medeiros, Giovanna Antonelli e Gabriela Hámori. Academia de Tênis 2 - 14:50 17:00 19:10 21:20 Brasília 2 - 14:20 16:50 19:20 21:40 Cinemark 10 - 15:00 Embracine 1 - 14:30 16:40 19:00 21:20 Park 11 - 16:40 21:50. Classificação 16 anos.

Divã
(Brasil, 2009)
As conversas com um psicanalista ajudam uma mulher de 40 anos a mudar de vida. Diretor: José Alvarenga Jr. Gênero: Comédia. Duração: 123 minutos. Elenco: Lilia Cabral, José Mayer, Reynaldo Gianecchini e Cauã Reymond. Arcoplex 2 - 19:30 21:20 Cinemark 1 - 12:50 15:05 17:15 19:25 21:45 23:55 Cinemark 9 - Taguatinga - 12:50 15:00 17:10 19:20 21:25 Liberty 1 - 19:00 21:00 Pátio 1 - 20:00 Terraço 1 - 17:00. Classificação 14 anos.

Donkey Xote
(Donkey Xote, Espanha/ Itália, 2007)
A história de Dom Quixote narrada por Rucio, burro que almeja a posição de destaque do cavalo Rocinante. Diretor: Jose Pozo. Gênero: Animação. Duração: 90 minutos
Elenco: vozes de Andreu Buenafuente, David Fernández e Sonia Ferrer.Horários e Salas Cinemark 1 - Taguatinga - 11:30(dublado) 13:25(dublado) 15:25(dublado) Cinemark 8 - 11:15(dublado) 13:15(dublado) 15:30(dublado) 17:40(dublado) Park 5 - 14:10(dublado) 16:00(dublado) 17:50(dublado) Pátio 1 - 14:00(dublado) 16:00(dublado) 18:00(dublado) Terraço 2 - 15:40(dublado) 17:40(dublado) 19:40(dublado). Classificação livre.

Killshot - Tiro Certo
(Killshot, EUA, 2008)
Casal incluído no programa de proteção de testemunhas do governo americano é perseguido por um matador profissional e por um assassino psicótico. Diretor: John Madden. Gênero: Suspense. Duração: 84 minutos. Elenco: Diane Lane, Mickey Rourke e Rosário Dawson.Brasília 4 - 14:50 17:00 19:10 21:30 Cinemark 1 - Taguatinga - 17:25 19:45 22:05 Cinemark 10 - 12:25 17:30 20:00 22:25 Park 9 - 14:50 17:20 19:30 21:40. Classificação 16 anos.

Os Falsários
(The counterfeiters, Alemanha/
Áustria, 2007)
A história real de um falsário obrigado pelos nazistas a fabricar dinheiro num campo de concentração. Diretor: Stefan Ruzowitzky. Gênero: Drama. Duração: 98 minutos Elenco: Karl Markovics, August Diehl e Devid Striesow. Academia de Tênis 3 - 15:30 17:30 19:30 21:30 Arcoplex 1 - 14:10 17:10 19:10 21:10 Embracine 4 - 14:50 17:00 19:15 21:15 Liberty 2 - 15:00 17:00 19:00 21:30. Classificação 14 anos.

Uma Noite no Museu 2
(Night at the museum: battle of the Smithsonian, EUA, 2009)
O fenômeno das peças de museu que ganham vida volta a acontecer, mas desta vez no Smithsonian, em Washington. Diretor: Shawn Levy. Gênero: Comédia. Duração: 108 minutos. Elenco: Ben Stiller, Amy Adams e Owen Wilson. Brasília 1 - 14:00 16:20 18:40 21:00 Cinemark 2 - 11:40(dublado) 14:00(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:30(dublado) Cinemark 3 - Taguatinga - 13:00(dublado) 15:30(dublado) 18:00(dublado) 20:30(dublado) Cinemark 5 - Taguatinga - 11:40(dublado) 14:00(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:30(dublado) Cinemark 6 - 13:00 18:00 20:30 23:00 Cinemark 6 - Taguatinga - 11:55 17:15 22:20 Cinemark 9 - 12:10 14:40 17:10 19:30 22:00 Embracine 3 - 14:30 17:00 19:10 21:20Multicine Cinemas 2 - 14:30(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:00(dublado) Park 1 - 14:20(dublado) 16:40(dublado) 19:00(dublado) 21:20(dublado) Park 3 - 13:50(dublado) 16:10(dublado) 18:30(dublado) 20:50(dublado) Park 7 - 14:40 17:10 19:30 21:40 Pátio 4 - 14:40 17:00 19:20 21:40 Pátio 6 - 14:20(dublado) 16:40(dublado) 19:00(dublado) 21:20(dublado) Terraço 4 - 14:00(dublado) 16:20(dublado) 18:40(dublado) 21:00(dublado) Terraço 5 - 14:20 16:40 19:00 21:20 Top Mall 2 - 16:30 20:30. Classificação 12 anos.

X-Men Origens: Wolverine
(X-Men origins: Wolverine, EUA)
Wolverine busca as respostas para os mistérios que rondam seu passado.
Diretor: Gavin Hood. Gênero: Ação. Duração: 107 minutos. Elenco: Com Hugh Jackman, Ryan Reynolds e Liev Schreiber. Arcoplex 2 - 17:20 Cine Premier Sobradinho 1 - 16:20(dublado) 18:40(dublado) 21:00(dublado) Cinemark 4 - 18:10 Cinemark 8 - Taguatinga - 12:00(dublado) 14:30(dublado) 16:45(dublado) 19:10(dublado) 21:40 Deck Norte I - 17:00 19:20 21:40 Embracine 6 - 14:30 19:20 Liberty 1 - 14:40(dublado) 16:50(dublado) Multicine Cinemas 1 - 15:00(dublado) 17:00(dublado) 19:00(dublado) Park 6 -14:30(dublado) 16:50(dublado) 19:10 21:30 Pátio 3 - 14:30(dublado) 16:50(dublado) 19:10 21:30 Terraço 1 - 14:40(dublado) Terraço 2 - 21:40 Top Mall 1 - 14:30(dublado)

CINE ESPECIAL

A permanência do tempo – filmes de Johan Van Der Keuken
Retrospectiva sobre a obra de um dos mais originais e consagrados documentaristas contemporâneos. Durante 40 anos, o holandês realizou cerca de 50 filmes, entre curtas, médias e longas-metragens. Hoje às 18h30, no Centro Cultural Banco do Brasil (SCES, Tr. 2, Lt. 22),– Quatro Paredes (Four Walls, Holanda, 1965, P&B, 22 min)+ Velocidade 40-70 (Velocity 40-70, Holanda, 1970, cor, 25 min) + O Muro (The Wall, Holanda, 1973, cor, 9 min) + Vietnam Opera (Holanda, 1973, cor, 11 min), 20h30– O Olho sobre o Poço (The eye above the well, Holanda, 1988, cor, 90 min). Informações: 3310-7081. Entrada franca. Classificação 12 anos.

SHOW

Recantos do Brasil - Minas Gerais
Dia 06/06 (sábado) às 19h, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental). O projeto irá mostrar ao público brasiliense o melhor de Minas Gerais, ao som de três dos maiores expoentes da música popular brasileira: Milton Nascimento, Flávio Venturini e Lô Borges. Ingressos: R$ 120 (VIP), R$ 80 (Lateral VIP), R$ 60 (Superior), R$ 60 (VIP), R$ 40 (Lateral VIP), R$ 30 (Superior). Ponto de venda: Lord Perfumaria (Brasília Shopping). Informações: 3274-7798 e 3368-4135. Classificação 18 anos.

Skatalites
Dia 06/06 (sábado), às 22h, no Mercado Alternativo (ao lado do Camping Show), show com a banda de ska e apresentação dos Dj´s da festa Criolina. Ingressos antecipados: R$25. Pontos de venda: Keep Healty (207 Sul), Over Street (Conic), Fun House (Conic), Bar Raízes (110 Norte), Bendito Suco (413 Norte), Pizza Dom Bosco (306 Norte, Sudoeste e CNB 1 Taguatinga). Informações: 8407-0032 / 9108-0481 / 7811-6952. Classificação 18 anos.

FESTA JUNINA

Festival 100% Brazlândia
Hoje (sexta) às 20h, na àrea Especial LW Setor Tradicional - próximo à Administração de Brazlândia, Gospel - Ao Cubo DJ Alpiste , dia 06/06 (sábado) às 20h, Sertanejo Alan & Alisson, Rafael Silva, Rioclaro, dia 07/06 (domingo) às 18h, Calcinha Preta.Ingresso: 1 kg de alimento.

Arraiá da Candanga
De hoje a domingo (07/06), às 20h, na Praça dos Estados (entrada da Candangolândia). Shows com: Edição Extra, Mesh In Ville, Marcus Vinicius e Antony, Patakundum, Cuscuz Com Leite, Batucada dos Raparigueiros e Banda Karisma. Quadrilhas, comidas típicas, tenda eletrônica, brinquedos infláveis, jogos entre outros. Ingressos: R$ 6 (cartela de bingo). Crianças até 10 anos não pagam. Informações: 8135 7020 ou no site: www.raparigueiros.com.br Classificação livre.

Festa Junina do Senac
Dia 06/06 (sábado) a partir das 17h, no Senac Taguatinga (QNG Àrea especial 39, Taguatinga Norte). Show com o grupo Forró pra dois. Entrada franca. Classificação livre.

DANÇA

XYZ 2009
Hoje às 21h, na sala Martins Penna (Teatro Nacional), Origem... Corpo sonoro- Núcleo Alaya Dança. Projeto que reúne grupos e artistas da dança contemporânea. Informações: 3325-6239. Entrada franca. Classificação 12 anos.

EXPOSIÇÃO

Expressão do Eu
De 10/06 a 15/06, no Centro Comunitário do Idoso- Luísa de Marillac (QNN 32, módulo C, Ceilândia Sul). Resultado dos trabalho em cerâmica realizados por alunos da melhor idade, ministrado pelos professores Michele Sodré e John Du Francis. Entrada franca. Classificação livre.

Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 05 de junho de 2009

Tragédia grega revisitada

Jornal de Brasília
05/06/2009
Marlon Maciel
marlon.maciel@jornaldebrasilia. com. br

A equipe que adaptou o clássico brasileiro Gota d’Água não teve que fazer praticamente nada para atualizar sua temática para os dias de hoje. O diretor João Fonseca assim garante sobre a adaptação do musical, que estreia hoje – com temporada até domingo –, na Sala Villa-Lobos: "Na verdade, o texto de Chico Buarque e Paulo Pontes (escrito em 1975) é atualíssimo", defende Fonseca.

O convidado da atriz Izabella Bicalho (Joana) para assumir a direção do musical afirma que "infelizmente é atual" por causa da situação em que "o poder é concedido a alguém que acaba se aproveitando de outro em condição mais simples". Na adaptação moderna de Medéia, de Eurípides (431 a.C.), com direção musical e músicas adicionais de Roberto Bürgel, a personagem mitológica recebe o nome de Joana, moradora de
um conjunto habitacional da periferia, que sustenta dois filhos e o marido e sambista Jasão (Armando Babaioff). Assediado pelo empresário Creonte (Claudio Lins), o músico abandona sua casa para casar-se com Alma, filha do empresário. Desesperada, Joana assassina os filhos e se suicida.

"O texto soava mais forte na época da estreia (quando teve Bibi Ferreira como Joana), mas continua com força", observa. Para ele, o momento político atual é diferente daquele vivido na década de 1970, época de ditadura. "A figura da Joana acabava ecoando como um pedido de liberdade", resume.

Gota D’água – Hoje e amanhã, às 21h, e domingo, às 18h, na Sala Villa-Lobos (Teatro Nacional). Ingressos: R$ 70 (inteira). Não recomendado para menores de 16 anos.

Da Redação do Jornal de Brasília

Fashion Rio de cara nova

Jornal de Brasília
05/06/2009

Começa nesta sexta-feira (5), uma das mais importantes semanas de moda, o Fashion Rio. Além das 30 grifes que irão apresentar suas coleções de primavera-verão, a 15ª edição do evento inaugura o Píer Mauá, sua sede nova com vista de 180º da Baía da Guanabara.

O diretor-geral do Fashion Rio, também mudou. Agora o cargo é representado pelo criador do São Paulo Fashion Week, Paulo Borges. O diretor-geral garante que esta edição terá menos desfiles, porém mais qualidade.

A programação começa nesta sexta-feira às 19h e vai até a proxima quarta-feira (10).

Da redação do Clica Brasília com agências

Caixa Cultural inaugura duas exposições nesta quinta-feira

Jornal de Brasília
04/06/2009

A partir desta quinta-feira (04), o público vai poder conferir 73 obras do gravurista alemão, radicado na Bahia, Karl Heinz Hansen Bahia. São ao todo 64 obras em suporte de papel e nove matrizes de xilogravuras. A exposição é apresentada pela Fundação Hansen Bahia, que conta com mais de 13 mil itens, entre gravuras, fotografias, recortes, livros, documentos, mobiliário e objetos de uso pessoal do artista.

Outra exposição que abre hoje na Caixa é "Um Novo Cardume - Luminárias de Lucas Isawa". Criadas a partir da tradição koinobori, quando uma carpa colorida de tecido ou papel tremula contra o céu e parece nada contra a correnteza, as luminárias-esculturas de Lucas Isawa despetam fascínio. A mostra oferece a oportunidade de admirá-las agrupadas, o que gera uma percepção de conjunto incomum e surpreendente.

Serviço

Hansen Bahia- Restauração do Acervo

De 04 de junho a 05 de julho. Diariamente, das 9h às 21h.
Entrada franca.
Evento livre para todas as idades.

Um Novo Cardume

De 04 a 02 de agosto. Diariamente, das 9h às 21h.
Entrada gratuita.
Evento livre para todas as idades.

Da redação do Clicabrasilia, com agências

Comprimidos de Elvis e objetos de Marilyn são expostos em N.York

Jornal de Brasília
05/06/2009

As caixas de comprimidos receitados a Elvis um dia antes de sua morte e o guarda-chuva com o qual Marilyn Monroe posou em 1949 são alguns dos objetos destes dois artistas expostos hoje no Planet Hollywood de Nova York.

A exposição mostra algumas das peças mais destacadas que serão leiloadas entre 26 e 27 de junho em Las Vegas (Nevada), onde está previsto que sejam arrecadados entre US$ 200 mil e US$ 400 mil pelos cerca de 150 objetos pessoais destes dois artistas americanos.

Entre as peças mais relevantes desta exposição organizada pela casa de leilões Julien's estão as caixas de comprimidos que o médico George Constantine Nichopoulos, conhecido como "doutor Nick" e amigo pessoal de Elvis Presley, receitou ao cantor um dia antes de sua morte.

"Como Elvis Presley morreu de overdose, temos sentimentos opostos ao vender as caixas de comprimidos", afirmou à Agência Efe o presidente da firma de leilões, Darren Julien.

Também fazem parte da exposição uma jaqueta usada pelo "rei do rock" e vários relógios de ouro que Elvis deu a Nick, que tinha guardado todos estes objetos durante anos e que serão colocados à venda pela primeira vez no leilão de Las Vegas.

Junto com os objetos de Elvis estão expostos os de Marilyn, de quem havia um guarda-chuva com o qual posou para o fotógrafo André de Dienes em 1949, um casaco de pele, duas blusas da Pucci, uma bolsa vermelha e os roteiros originais do filme "Quanto Mais Quente Melhor", pelo qual ela ganhou um Globo de Ouro.

O leilão, que será realizado em Las Vegas, inclui também móveis da casa em Brentwood (Califórnia) onde Marilyn Monroe viveu até morrer, como mesa da sala de jantar, espelhos e tapetes, além de outras peças de decoração.
Agência EFE

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Exposição Homem ao Mar

Do Site da Secretaria de Cultura do DF
03/06/2009

Imagem: Divulgação
Chega a Brasília a exposição ‘Homem ao Mar’. Até o dia 15 de junho, os brasilienses poderão conferir os 35 painéis fotográficos, em preto e branco, de autoria de Francisco Pinto. Os trabalhos estão expostos no Museu Nacional, que fica na Esplanada dos Ministérios.

Esse trabalho é o resultado da edição do ensaio fotográfico de 4 mil imagens, realizado entre os anos de 2003 e 2006, e publicado em livro em 2007. O fotógrafo explorou e documentou a cultura da população do litoral de Santa Catarina, que tem a matriz açoriana como sua mais importante raiz antropológica.

Nesse contexto, as principais características culturais desse povo são apresentadas em várias nuances: o intenso contato com o mar - que pela abundância do pescado tornou a atividade pesqueira na principal ocupação das comunidades locais, a construção de embarcações, a culinária típica, a produção da farinha de mandioca, a destilação da cachaça, a religiosidade, as festas populares, o amor pelo futebol e outros detalhes do cotidiano da população.

Com a montagem da exposição, o público tem a oportunidade de reconhecer o papel jornalístico do trabalho e conhecer a expressão artística do fotógrafo autor, representada pelas imagens que foram produzidas durante os três anos de trabalho.

PROGRAME-SE:
Exposição fotográfica ‘Homem ao Mar’, de Francisco Pinto, até o dia 15 de junho, de terça a domingo, das 9h às 18h30, no Museu Nacional, localizado no Setor Cultural Sul, Lote 2, Esplanada dos Ministérios.
Entrada franca.
Informações: 3325-5220.

Fantoches ensinam sobre a natureza

Do Site da Secretaria de Cultura do DF
03/06/2009

Livro: Reciclar é o caminho
No próximo final de semana, público infantil poderá aprender importantes questões sobre a preservação da natureza com o espetáculo de fantoches ‘Reciclar é o Caminho’, da Cia. Teatral de Fantoches Riane Buson, a ser apresentado dias 6 e 7, sábado e domingo, às 17h, na sala Marco Antônio Guimarães, do Espaço Cultural Renato Russo – 508 Sul.

Durante trinta minutos e com linguagem apropriada para as crianças, pequenos personagens marinhos darão explicações sobre o meio ambiente. A necessidade de jogar o lixo no local correto, os cuidados fundamentais com a água para evitar o desperdício, o combate à poluição nos córregos, lagos, rios e oceanos e a necessidade de proteger os animais são alguns temas a serem abordados.

Em cartaz há 7 anos, o espetáculo já foi visto por mais de 80 mil espectadores em eventos culturais, escolas e aniversários. Devido ao sucesso, a autora Riane Buson fez uma adaptação do texto teatral e o transformou em livro, de mesmo nome, ‘Reciclar é o Caminho’. A obra foi lançada, este ano, na Livraria Cultura e na Fnac.

E para estimular a participação e o aprendizado, todas as crianças que forem assistir ao espetáculo ganharão o livro, cortesia da autora. “Meu maior desejo além de contribuir para a formação de gerações críticas, éticas e transformadoras da realidade social é promover cultura estimulando a leitura”, enfatizou Riane.

Programe-se: Espetáculo de fantoches ‘Reciclar é o Caminho’, dias 6 e 7 de junho, sábado e domingo, às 17h, na Sala Marco Antônio Guimarães do Espaço Cultural Renato Russo – 508 Sul. Ingressos: R$ 20 reais (inteira) e R$ 10 reais (meia). Informações: Riane 9982-4263.


Comunidade cultural está de luto

03/06/2009

Na foto: Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional sob regência do maestro Sílvio Barbato

Brasília - e muito particularmente sua comunidade cultural - está de luto.
Nenhuma tragédia guarda em si apenas a dor dilacerante dos que ficaram. Toda tragédia guarda segredos que se revelam em pílulas de angústia e horror. As 228 pessoas que voavam com seus planos e esperanças foram tragadas de súbito pelo imprevisto de um acidente em uma máquina, meticulosamente, construída para não falhar.

À imperfeição da obra dos homens junta-se a perplexidade de nossa incompreensão dos desígnios de Deus.

O acidente que chocou o mundo não escolheu pátria nem destino. A confirmação da notícia de que o maestro Sílvio Barbato e a soprano Juliana de Aquino estavam no voo se abateu sobre Brasília com a intensidade inevitável de sua carga trágica.

O maestro Sílvio Barbato, como Juliana de Aquino, aprenderam a amar Brasília com um amor do tamanho de seus talentos. Brasília, sendo amada por eles, ama-os generosamente.

Barbato, ao lado do imenso Cláudio Santoro, implantou e deu consistência a esta orquestra que hoje está entre as três melhores do País, nas mãos talentosas do Maestro Ira Levin.

Às suas famílias a nossa mais sentida solidariedade.

Por Silvestre Gorgulho, Secretário de Cultura do Distrito Federal

PROGRAME-SE

Correio Braziliense
03/06/2009

Exposição de fotografias traz olhar diferente de Cuba
Mostra XYZ põe em cena as principais companhias de dança contemporânea da cidade
Senado celebra centenário do poeta Patativa do Assaré
Projeto Dorival para sempre Caymmi recebe o grupo No Olho da Rua
Shows de MPB são o convite perfeito para os brasilienses nesta quarta
Cine UPIS exibe o filme Um faz de conta que acontece

Mostra XYZ começa hoje

Jornal de Brasília
03/06/2009

A Mostra de Dança Contemporânea de Brasília começa hoje (3), e vai até domingo (7), no Teatro Nacional e no Centro de Dança. O espetáculo apresenta nesta segunda edição muitas novidades, além das apresentações, será realizado um debate com o tema Os caminhos da Dança Contemporânea Brasileira e, na área de formação e reciclagem, foram programados quatro workshops gratuitos direcionados a bailarinos e atores da cidade, com os artistas convidados.

Com direção geral e curadoria de Marconi Valadares, passarão pelo palco e pelo foyer da Sala Martins Penna do Teatro Nacional, espetáculos das três companhias mais experientes e mais atuantes no cenário da dança de Brasília atual - Alaya Dança, Anti Status Quo e Basirah - e trechos dos trabalhos emergentes do Margaridas Grupo de Dança e do bailarino Ary Coelho.

A programação inclui também atrações de outras cidades, apostando na proposta de intercâmbio de idéias sobre a linguagem da dança contemporânea com os artistas mineiros Vanilton Lakka, Cris Oliveira e Carlos Arão.

Uma das grandes surpresas desta segunda edição do projeto é a proposta de interação com os espectadores, através do programa Três Olhares e Uma Dança, que abre espaço para a publicação de críticas, impressões e sugestões no site da mostra http://www.dancaxyz.com.br.

Assim, cada trabalho apresentado poderá ser analisado a partir de várias perspectivas, além de receber os comentários dos convidados especializados: João Antonio, ator, diretor e professor de teatro em Brasília, e Jaime Gesisky, escritor, que escreveram também na primeira edição.

Serviços:

Horário: De 3 a 7 de junho. Confira a programação.
Endereço: Confira programação.
Preço: Sala Martins Penna - R$ 10,00 e R$ 5,00, (meia)
Foyer Teatro Nacional - entrada franca
Informações: (61) 8142. 0111/ 8142. 0112

Da redação do Clicabrasilia, com agências

DJ Quizzik participa da última apresentação da peça Admirável - só para selvagens

Jornal de Brasília
01/06/2009

Anna Beatriz Lisbôa
da redação do Clicabrasilia

A última apresentação da peça "Admirável - só para selvagens" acontece nesta terça-feira (2). O espetáculo é dirigido por Miriam Virna e conta com a participação do ator e bailarino Alessandro Brandão.

A história é adaptada da obra "Admirável mundo novo", de Aldous Huxley, conservando seu tom niilista e o conceito do Soma, uma espécie de droga da felicidade, consumida para trazer bem-estar aos cidadãos da Nova Ordem Mundial. Na montagem de Virna, os personagens principais estão confinados em um reality show e experimentam uma crise de abstinência da droga.

Um dos destaques da peça, concebida como um "evento cênico sonoro" é o uso da trilha sonora, assinada e executada ao vivo por Cristiano Portilho, o DJ Quizzik, para criar a atmosfera da ação. Desde 2001 Portilho trabalha com trilhas sonoras de filmes e espetáculos teatrais, tendo assinado a trilha do curta "Olhos nos Olhos", de Johil carvalho e Sérgio Lacerda, que venceu o 40º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro na categoria de curta 16 mm, em 2007.

Os temas de culto ao consumo e à beleza, e a mecanicidade fordista que permeiam a obra serviram de inspiração ao artista na hora de elaborar a trilha sonora. Em "Admirável - só para selvagens", o DJ procurou traduzir o tom futurista e ascéptico da obra de Huxley para o universo do som. "Tentei criar texturas que lembrassem ambiente de 'farmácia'", exemplifica. "Investi em timbres sintéticos, ritmos futuristas e minimalistas. As batidas são quebradas, bem marcadas, criando um efeito picotado. O resultado é que sempre tem um som novo para se descobrir", explica.

Arquiteto formado na Universidade de Brasília, Portilho voltou à Universidade, dessa vez como aluno de artes cênicas, além de já ter feito cursos de intepreteção e cinema. Ele explica que o trabalho de ator o ajudou a compreender melhor o papel da música na encenação: "A música acrescenta a emoção necessária para a cena. É um catalizador emocional, que deve estar conectado à imagem e à palavra", acredita.

Serviço

Dia 02 de junho. Terça-feira, às 19h e 21h.
Ingressos a R$ 14.
Evento não recomendado para menores de 14 anos.
Informações: 3349-3937.
Onde: Espaço Cena - SCLN 205 bloco C Loja 25

Da redação do Clicabrasilia

Museu Vivo da Memória Candanga abre inscrições para três cursos gratuitos

Jornal de Brasília
01/06/2009

O Museu Vivo da Memória Candanga, localizado no Núcleo Bandeirante, está com inscrições abertas para três cursos gratuitos. As aulas de Moldes para Argila Líquida, Preparando o São João e Tear de Faixas serão realizadas no mês de junho.

O curso de Moldes para Argila Líquida tem por objetivo ensinar o aluno a produzir moldes para a produção de peças cerâmicas, possui 24 horas-aula e será realizado no período de 4 a 30 de junho, às terças e quintas-feiras, das 9h às 12h.

Para rememorar a origem, usos e costumes relacionados aos festejos juninos, resgatando os saberes e fazeres contidos nos enfeites, sabores, poesias e músicas presentes nas festas, será ministrado o curso Preparando o São João, que ocorrerá no período de 5 a 27 de junho, as quartas e sextas-feiras, das 9h às 12h.

Para ensinar aqueles que pretendem tecer em um tear com faixas trabalhadas será oferecido o curso Tear de Faixas com Cartelas, no período de 5 a 30 de junho, às quartas e sextas-feiras, das 14h às 17h.

As inscrições devem ser feitas, pessoalmente, no Museu, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Não haverá inscrições por telefone. O material de consumo é por conta do aluno.

Programe-se

Inscrições gratuitas para cursos no Museu Vivo da Memória Candanga.
Endereço: VIA EPIA Sul, SPMS lote D (na curva de quem vai do Park Shopping para o Núcleo Bandeirante).
Informações: 3301-3590.
Agência Brasília

Toninho Alves se apresenta pelo projeto Palco Instrumental

Jornal de Brasília
01/06/2009

Compositor e flautista, Toninho Alves se apresenta, hoje, pelo projeto Palco Instrumental. Toninho toca ao lado de Oswaldo Amorim, no contrabaixo e Francisca Aquino, ao piano.

O trio toca junto desde 2004. No repertório, arranjos originais e bem elaborados de música brasileiras consagradas. Destaque para composições de Tom Jobim, Milton Nascimento, Caetano Veloso, Gonzaguinha, Egberto Gismonti, Hermeto Pascoal, Jorge Cardoso, Franklin da Flauta, Pixinguinha, Nelson Aires, César Camargo Mariano e outros.


Sobre Toninho Alves
O músico é bacharel em flauta transversal na classe de Odette Ernest Dias, na UnB, participa de um dos grandes grupos musicais de Brasília nos anos 1980: o Liga Tripa. É membro do grupo de música instrumental Alma Brasileira e do quarteto de flautas Pé de Vento. Tem um duo instrumental com a pianista Francisca Aquino e ainda faz parte da banda do cantor e compositor Eduardo Rangel. Além disso, é professor do CEP/ Escola de Música de Brasília e faz jingles e trilhas para teatro e vídeo.

Serviço:

Informações e reservas: (61) 3244-6353 ou www.cestsibon.com.br
Horário: Dia 01/06 (segunda), às 20h30
Endereço: Creperia C'est si bon - 408 Sul, bloco A
Preço: Couvert artístico: R$ 8

Da redação do Clicabrasilia

Cacai Nunes Trio abre as apresentações de junho do Festival de Outono

Jornal de Brasília
03/06/2009
Cacai Nunes Trio abre as apresentações de junho do Festival de Outono, evento que divulga a música instrumental no Terraço Shopping. O evento acontecerá hoje, às 19h30, na Praça das Palmeiras, área central do shopping. A entrada é franca.

O trio traz uma linguagem musical contemporâne, com George Lacerda na percussão, Vavá Afiouni no baixo elétrico e, o pernambucano criado em Brasília, Cacai Nunes na viola caipira.

Serviço:

Horário: 19h30
Local: Praça das Palmeiras
Endereço: Praça das Palmeiras - Terraço Shopping
Entrada franca

Da redação do Clicabrasilia, com agências

Quadro de Renoir roubado há quase 25 anos é recuperado na Itália

Jornal de Brasília
03/06/2009

A Polícia italiana recuperou o quadro Oedipus Rex (Édipo Rei), de 1895, do pintor impressionista francês Pierre-Auguste Renoir (1841-1919), que foi roubado em outubro de 1984 na casa de um colecionador de arte em Roma, confirmaram hoje à Agência Efe fontes policiais.

A obra, um óleo sobre tela de 30 por 29 centímetros de tamanho, foi recuperada há três dias na província italiana de Treviso na residência de um colecionador de arte, depois de este avisar à Polícia sobre a presença da pintura.

A operação policial que levou à recuperação do quadro foi desenvolvida por agentes italianos em colaboração com a Interpol (Polícia internacional) e põe fim a uma investigação retomada em agosto de 2008.

Durante a investigação, segundo informa a Polícia italiana em comunicado de imprensa, os agentes reconstruíram o caminho que o quadro seguiu durante estes quase 25 anos.

O quadro do pintor francês, no qual traços impressionistas de cores vivas recriam uma cena de fervor e apoio popular a um líder que leva um cetro, é inspirado em Édipo Rei (430 a.C.), a tragédia do dramaturgo clássico grego Sófocles.

EFE

Patativa do Assaré é homenageado no Senado Federal

Jornal de Brasília
03/06/2009

O centenário do poeta popular, Patativa do Assaré, será celebrado pelo Senado nesta quarta-feira, 3, com uma série de eventos. A programação começa no Plenário, quando os senadores homenagearão o poeta nordestino. No começo da noite, será exibido o documentário "Patativa do Assaré - Ave Poesia", de Rosemberg Cariry. Antônio Gonçalves da Silva, o Patativa do Assaré, nasceu em 1909, em uma pequena propriedade rural localizada no município de Assaré, no sul do Ceará.

Filmado entre os anos de 1979 e 2006, o documentário, finalizado em 2007, resgata a figura de Patativa, um autodidata que frequentou a escola por cerca de seis meses, mas aprendeu nos livros, nos cordéis, nos jornais e nas revistas, a dominar a língua para expressar suas poesias. O cineasta participará das comemorações.


Da redação do Clicabrasilia, com agências

Os Pampas gaúcho no Planalto Central

Tribuna do Brasil (DF)
03/06/2009

Tradicional feira chega a sua 17ª edição no Parque da Cidade

No Brasil, a região dos Pampas costuma ser associada à imagem de grandes campos, pouco habitados e sacudidos pelo vento. Agora, a principal feira de artigos gaúchos realizada fora do Rio Grande do Sul vai provar que os Pampas são muito mais do que isso. A região que abriga, entre outras coisas, cerca de 400 espécies de aves, 90 de mamíferos e 20 municípios é a grande homenageada da 17ª edição da Expotchê, que começa nesta sexta-feira e vai até 14 de junho, no Parque da Cidade. Participarão da feira dez municípios dos Pampas, trazendo sua produção gastronômica, artesanal e cultural.
Melhor feira do gênero (Prêmio Top of Mind 2006 e 2007) e melhor evento regional do país (Prêmio Caio em 2005, 2006 e 2007) são alguns dos títulos que a Expotchê coleciona ao longo dos anos. Realizado desde 1992, o evento é celebrado tanto pelos cerca de 200 mil gaúchos que vivem na região quanto pela população em geral, por sempre oferecer atrações culturais (shows, encontros com escritores e apresentações de grupos folclóricos), gastronômicas (comidas e bebidas típicas do Rio Grande do Sul), de artesanato e moda.
Este ano o encontro promete muitas novidades. Para começar, uma Escola do Chimarrão e o famoso Churrasco de Chão irão demonstrar ao espectador de Brasília alguns dos hábitos tradicionais dos Pampas. Uma réplica de uma típica fazenda crioula-gaúcha será montada no pavilhão com vários animais característicos da região. O local ainda terá vários cenários temáticos que refletem a arquitetura, a cultura, a vegetação, e outras peculiaridades do pampa gaúcho.
Outro destaque será a participação dos artesãos dos Pampas. Os dez municípios confirmados para a feira trarão artesanato, muitos deles produzidos na hora, durante a realização do evento. São peças de artesanato em lã, couro, madeira, chifre, peças de vestuário (chalés, ponchos, palas, huandas), objetos de decoração e até utensílios domésticos. Belíssimos trabalhos em madeira e lã pura, como aqueles produzidos pelo projeto Lã Pura do Sul, desenvolvido na cidade de Aceguá, a partir do programa Talentos do Brasil, do Ministério do Desenvolvimento Agrário. Haverá ainda uma praça especialmente montada para a comercialização de produtos típicos da região. No local, batizado de Praça Colonial, será possível se deliciar com doces, balas, biscoitos, queijos, salames, licores, chopp de vinho e outros produtos de produção artesanal.

Música
Dentre as atrações musicais, surpresas como o grupo Tchê Guri (que mescla forró e ritmos tradicionais gaúchos) e a confirmação do sucesso da banda Nenhum de Nós (que atrai milhares de fãs a cada apresentação). Durante a feira será realizado também o I Festival de Música Pampa e Cerrado, trazendo atrações como o grande cantor e compositor Renato Teixeira, o cantor e repentista Volmir Martins, o violonista Lucio Yanel (radicado no Brasil), o acordeonista Carlos Borges e a dupla Márcio Texano e Gabriel. Os shows acontecerão diariamente, a partir das 21h.
Quem for conferir as delícias da feira precisa de tempo e disposição, pois a organização da festa promete inúmeras atrações. Em destaque estão a Escola de Chimarrão, Praça do Café, Galpão Crioulo, Mostra Literária, Apresentação de Danças Típicas, Espaço Gastronômico, Praça do Pão, Praça do Vinho, Praça do Chocolate, Brinquedoteca e Praça Colonial, além de shows que acontecem todos os dias, a partir das 21h.


PROGRAMAÇÃO MUSICAL
Dia 5/6, sexta-feira: Tchê Guri
Dia 9/6, terça-feira: Nenhum de Nós
Dia 11/06, quinta-feira: Lucio Yanel e Luís Carlos Borges
Dia 12/06, sexta-feira: Márcio Texano
& Gabriel
Dia 13/06, sábado: Volmir Martins & Renato Teixeira

17ª EXPOTCHÊ
EXPOBRASÍLIA – Pavilhão A - Parque da Cidade

Data: de 5 a 14 de junho de 2009
Horário: de segunda a sexta, das 16h às 23h; sábados e domingos, das 11h às 23h
Ingressos: R$12,00 (inteira) e R$6,00 (meia)
Planejamento, organização, montagem, comercialização e mídia da feira: responsabilidade da Rome Feiras e Promoções


Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 03 de junho de 2009

terça-feira, 2 de junho de 2009

Assinatura do programa Mais Cultura

Do Site da Secretaria de Cultura do Distrito Federal
02/06/2009
Nesta segunda (1º de junho), o secretário de Cultura, Silvestre Gorgulho, e o ministro da Cultura, Juca Ferreira, assinaram o acordo de cooperação do programa 'Mais Cultura'. O projeto destina R$ 2,5 milhões para investimentos no setor, além da criação de 21 Pontos de Cultura nas Regiões Administrativas do DF.

Na ocasião, realizada no auditório da Biblioteca Nacional de Brasília (BNB), o governador José Roberto Arruda outorgou a medalha "Ordem do Mérito Brasília" ao ministro.

O governador José Roberto Arruda comemorou mais este avanço para a área cultural. “É um projeto ótimo. É mais um instrumento de divulgação da cultura para todas as cidades de Brasília”, destacou Arruda.

O ministro Juca Ferreira ressaltou a importância da parceria entre o governo federal e o GDF. “O Ministério da Cultura e o GDF, por meio da Secretaria de Cultura, tem conquistado avanços importantes. O ‘Mais Cultura’ é apenas mais um passo a frente em nossas parcerias”, disse.

O secretário de Cultura, Silvestre Gorgulho, comemorou a assinatura do convênio. “A Secretaria tem trabalhado no intuito de democratizar o acesso de toda a população do DF à Cultura. Já demos passos importantes como a Lei do FAC, agora implantamos o projeto ‘Cultura nas Cidades’, que no último fim de semana reuniu mais de 10 mil pessoas na Fercal. Estamos muito satisfeitos com os avanço. Esperamos fazer ainda muito mais”, concluiu.

Lançado no dia 4 de outubro de 2007, o programa se tornou a marca do reconhecimento da cultura como necessidade básica e direito de todos os brasileiros, tanto quanto a alimentação, a saúde, a moradia, a educação e o voto.

A partir deste Programa, o Governo Federal incorporou a cultura como vetor importante para o desenvolvimento do país, incluindo-a na Agenda Social - política estratégica de estado para reduzir a pobreza e a desigualdade social.

Essa é, portanto, uma das mais importantes conquistas do Ministério da Cultura e de todos os brasileiros - um programa pautado na integração e inclusão de todos segmentos sociais, na valorização da diversidade e do diálogo com os múltiplos contextos da sociedade brasileira.

Na perspectiva de cooperação, articulação e integração, o Ministério da Cultura estabelece parceria com ministérios, bancos públicos, organismos internacionais e instituições da sociedade civil, e assina acordos com governos estaduais e municipais para a implementação das ações do 'Mais Cultura'. O GDF não ficará de fora. A partir de segunda-feira, será o mais novo parceiro do programa, que se estrutura em três dimensões articuladas entre si: Cultura e Cidadania, Cultura e Cidades e Cultura e Economia.

Todas as ações do 'Mais Cultura' buscam a ampla participação da sociedade civil e dos poderes públicos. Podem participar municípios, estados, pessoas físicas ou pessoas jurídicas de direito público ou privado, sem fins lucrativos, que sejam de natureza cultural, como associações, sindicatos, cooperativas, fundações, escolas caracterizadas como comunitárias e suas associações de pais e mestres, ou organizações tituladas como Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs) e Organizações Sociais (OS), com atuação comprovada na área cultural há pelo menos dois anos.



Cursos gratuitos no Museu Vivo

Do Site da Secretaria de Cultura do Distrito Federal
02/06/2009

O Museu Vivo da Memória Candanga, localizado no Núcleo Bandeirante, está com inscrições abertas para três cursos gratuitos, que serão realizados no mês de junho: Moldes para Argila Líquida, Preparando o São João e Tear de faixas com cartelas.

O curso de Moldes para Argila Líquida tem por objetivo ensinar o aluno a produzir moldes para a produção de peças cerâmicas, possui 24 horas-aula e será realizado no período de 4 a 30 de junho, às terças e quintas-feiras, das 9h às 12h.

Para rememorar a origem, usos e costumes relacionados aos festejos juninos, resgatando os saberes e fazeres contidos nos enfeites, sabores, poesias e músicas presentes nas festas, será ministrado o curso Preparando o São João, que ocorrerá no período de 5 a 27 de junho, as quartas e sextas-feiras, das 9h às 12h.

E para ensinar aqueles que pretendem tecer em um tear com faixas trabalhadas será oferecido o curso Tear de Faixas com Cartelas, no período de 5 a 30 de junho, às quartas e sextas-feiras, das 14h às 17h.

Os cursos são gratuitos e as inscrições devem ser feitas pessoalmente no Museu, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Não haverá inscrições por telefone. O material de consumo é por conta do aluno.

PROGRAME-SE – Inscrições gratuitas para cursos no Museu Vivo da Memória Candanga. Endereço: VIA EPIA Sul, SPMS lote D (na curva de quem vai do Park Shopping para o Núcleo Bandeirante).
Informações: 3301-3590.

Abel Rocha rege a OSTNCS

Do Site da Secretaria de Cultura do Distrito Federal
02/06/2009

Na foto, o solista André Távora
O maestro Abel Rocha é o regente convidado da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (OSTNCS) desta terça-feira (02), às 20h, na sala Villa-Lobos do Teatro Nacional. O concerto, que terá sinfonias de Felix Mendelssohn, Igor Stravinsky, Darius Milhaud, Francis Poulenc, Gripper Ripper e Heitor Villa-Lobos conta ainda com a participação do solista André Távora.

Em 20 anos de carreira, Abel Rocha atua como regente e diretor musical em muitas óperas, balés e concertos sinfônicos frente às mais importantes orquestras do país. Desenvolve extensa carreira como diretor musical e arranjador para espetáculos teatrais, shows e gravações. Doutor em Música pela Unicamp, fez mestrado em Regência de Ópera junto à Opernschule da Robert-Schumann Musikhochschule (Düsseldorf, Alemanha). Após seu retorno ao Brasil, foi responsável pela regência e direção musical das óperas 'Il Combattimento de Tancredi e Clorinda', 'Le Nozze de Figaro', 'Il Barbieri di Seviglia', 'Ïl Ballo delle Ingrate', 'Carmen', 'Butterfly', 'L'Elisir d'Amore', 'Gianni Schicchi', 'Voz Humana' e de duas montagens diferentes de 'A Flauta Mágica'.

Nos últimos anos esteve à frente das Orquestras Sinfonica Brasileira, OSPA, Sinfônica de Brasília, Camerata de Curitiba, Sinfônica do Estado de São Paulo, Sinfônica de Santos, Sinfônica de Ribeirão Preto, Sinfônica Paulista, Experimental de Repertório, Orquestra Jazz Sinfônica, Sinfônica do Paraná, Sinfônica de Londrina e Sinfônica da Bahia. Com intensa atividade didática, é professor de regência da Faculdade de Música da UniFIAM/FAAM, além de ministrar aulas e workshops regularmente em festivais e cursos de férias.

Dentre os prêmios recebidos destacam-se: 'Melhor Regente Coral' nos anos de 1987 e 1995, e 'Melhor Conjunto Coral' em 2003, outorgados pela APCA e o 1º lugar no 'VIII Concurso Nacional de Corais do Rio de Janeiro -1982'. Desde 2004 é Diretor Artístico e Regente Titular da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, e dirige o Collegium Musicum de São Paulo desde 1983.

A outra atração da noite, o solista André Távora, especializou-se em Práticas Interpretativas na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), sob orientação da Professora Doutora Myrian Dauelsberg. Integrou o corpo artístico do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, de 2002 a 2007 e recebeu bolsas de estudo para as Universidades de Portland e Wyoming nos Estados Unidos, onde também se aperfeiçoou em canto, regência e co-repetição. Além disso, foi bolsista por três anos consecutivos no Festival de Inverno de Campos do Jordão, onde teve a oportunidade de participar de Máster Classes com os professores: Caio Pagano, Yara Bernette, Antônio Guedes Barbosa e Dasy de Lucca.

Ganhador de inúmeros prêmios em concursos de piano, como o 3º Concurso Franz Liszt no Teatro Municipal de Niterói, Concurso Nacional de Piano Juscelino Kubitcheck em Brasília, Concurso Nacional de Piano da cidade de Goiânia, Concurso PROMON em São Paulo, é apontado pela crítica nacional como um dos maiores talentos da atualidade e, recentemente, foi premiado no Concurso Internacional de piano de Lamezzia Terme, na Itália. Tem realizado recitais e concertos em alguns dos mais importantes Teatros, Salas e Centro Culturais do país.

O concerto da Orquestra Sinfônica será amanhã, 02 de junho, às 20h, na sala Villa-Lobos do Teatro Nacional. A entrada é franca mediante retirada de ingressos na bilheteria, até o limite de lotação da sala.

PROGRAME-SE: Concerto da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional. Terça-Feira (02), às 20h, na sala Villa-Lobos do Teatro Nacional. Regente convidado: Abel Rocha. Solista: André Távora. Entrada franca mediante retirada de ingressos na bilheteria, até o limite de lotação da sala. Classificação indicativa: 12 anos. Informações: 3325-6232.

Programa

Felix Mendelssohn

Abertura para sopros opus 24

Igor Stravinsky

Sinfonia para Sopros

Darius Milhaud

Sinfoniade câmara nº 5 opus 75

Francis Poulenc

Aubade

Gripper Ripper

Variações Acadêmicas

Heitor Villa-Lobos

Fantasia em forma de Choros

Regência: Abel Rocha

Solista: André Távora

PROGRAME-SE (LAZER)

Correio Braziliense
02/06/2009

Humanité - Uma teoria do contemporâneo
Festival do Filme Europeu
A Permanência do Tempo – Filmes de Johan van der Keuken
Renato Russo - O filho da revolução
17ª Expotchê
A Cabeça do Futebol
Circo Nacional da China

PROGRAME-SE (TEATRO)

Correio Braziliense
02/06/2009

Admirável e só para selvagens
O casamento do pequeno burguês
Jogando no Quintal
Dois perdidos numa noite suja

Teatro Infantil: O Pequeno Príncipe

PROGRAME-SE (MÚSICA)

Correio Braziliense
02/06/2009

Dorival para sempre Caymmi
Galinha Caipira Completa
Amoy Ribas
Boteco Cultural - Circuito Musical
Adoraroda
Soatá
Marabeau
Gilbertos Come Bacon
Fino do Samba
Capital Urbana
Concerto da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional
Cacai Nunes e trio
Jam [Jazz+Funk]
Wado
Felipe Vieira e Jazz Trio
Lenine
Beatlemania e Cloning Stones
Gisele Meira
Recantos do Brasil - Minas Gerais
Geriatric Blues Band
Deborah Vasconcellos
Vitrine e Dínamo Z
Pôr do sol

PROGRAME-SE (FESTAS JUNINAS)

Correio Braziliense
02/06/2009

Festa Junina do Iate
Arraiá da Candanga
Arraiá da Acadimia
Festa do Seu João 2009 - Uma Festa Junina Muderna
São João da ASBAC

PROGRAME-SE (FESTAS)

Correio Braziliense
02/06/2009

Cansei de ser cult
Festa da Padroeira no Movimento Eureka de Brasília

PROGRAME-SE (EXPOSIÇÕES)

Correio Braziliense
02/06/2009

A Linha e o Sujeito: um diálogo com o Acervo CAIXA
Virada Russa
Latitudes: mestres latino-americanos na coleção Femsa
O gravador Roberto Burle Marx no Ateliê Ymagos
Lágrimas de São Pedro — Acalento ao sertão nordestino
Quem tem medo de olhar para cima
PostFab/Untitled
Estereótipos
Miscelânea de cores
Paisagens Neuronais
Brasília 50 anos
Garimpo em forma

PROGRAME-SE (DANÇA)

Correio Braziliense
02/06/2009

XYZ 2009
Projeto que reúne grupos e artistas da dança contemporânea no projeto. Com direção geral e curadoria de Marconi Valadares.

Programação:

Quarta (03/06)
Autorretratodinâmico

Sala Martins Penna – 21h
Antistatusquo Cia de Dança
Direção: Luciana Lara
Classificação indicativa: 12 anos

Quinta (04/06)
Dois

Sala Martins Penna – 21h
Basirah
Direção: Giselle Rodrigues
Classificação indicativa: 12 anos

Sexta (05/06)
Origem... Corpo sonoro

Sala Martins Penna – 21h
Núcleo Alaya Dança
Direção - Lenora LoboClassificação indicativa: 12 anos


Sábado (06/06)
Foyer da Sala Martins Penna – 18h30

Entrada Franca
Classificação indicativa: 14 anos

Performance: Para Todas as Marias
Cris Oliveira / Carlos Arão– Belo Horizonte - MG

Performance: Cidade em Plano
Antistatusquo – Brasília

Performance: Desconexadança
Ary Coelho – Brasília

Performance: Samambaia
Margarida Grupo de Dança – Brasília

Domingo (07/06)
O corpo é a mídia da dança?

Sala Martins Penna – 20h
Vanilton Lakka – Uberlândia - MG
Direção: Vanilton Lakka (30min)

Coca Cola e Guaraná
Cris Oliveira e Carlos Arão - Belo Horizonte - MG
Cris Oliveira e Carlos Arão (30 min)
Classificação indicativa: 12 anos

Workshops Gratuitos Para Bailarinos e Atores
Local: Centro de Dança do DF
Setor de Autarquia Norte Quadra 01 Bl. E
Inscrição por telefone (33471953) ou por e-mail (mostradedancaxyz@dancaxyz.com.br)
Vagas: 20 para cada workshop

Dia 6 – 9h30 às 12h30
Workshop com Cris Oliveira e Carlos Arão – MG

Dia 6 – 14h30 às 17h30
Workshop com Giselle Rodrigues - DF

Dia 7 – 9h30 às 12h30
Workshop com Luciana Lara - DF

Dia 7 – 14h30 às 16h30
Workshop com Vanilton Lakka – MG

Debate – Os Caminhos da Dança Contemporânea Brasileira
Dia 6 de junho, sábado – das 10h30 às 13h30
Local: Centro de Dança do DF
Setor de Autarquia Norte Quadra 01 Bl. E
Entrada Franca
Mediação: Yara De Cunto (Pesquisadora)

Local: Teatro Nacional Cláudio Santoro - Setor Cultural Norte - Asa Norte - 325-6109
Data: Quarta a domingo, às 19h, 20h e 21h (ver programação)
De: 03/06/2009
Até: 07/06/2009
Informações: (61) 3325-6239

ROTEIRO DF

Jornal Tribuna do Brasil (DF)
02/06/2009


Donkey Xote
(Donkey Xote, Espanha/ Itália, 2007)
A história de Dom Quixote narrada por Rucio, burro que almeja a posição de destaque do cavalo Rocinante. Diretor: Jose Pozo. Gênero: Animação. Duração: 90 minutos Elenco: vozes de Andreu Buenafuente, David Fernández e Sonia Ferrer.Horários e Salas Cinemark 1 - Taguatinga - 11:30(dublado) 13:25(dublado) 15:25(dublado) Cinemark 8 - 11:15(dublado) 13:15(dublado) 15:30(dublado) 17:40(dublado) Park 5 - 14:10(dublado) 16:00(dublado) 17:50(dublado) Pátio 1 - 14:00(dublado) 16:00(dublado) 18:00(dublado) Terraço 2 - 15:40(dublado) 17:40(dublado) 19:40(dublado). Classificação livre

3D Jonas Brothers - O Show
(Jonas Brothers: the 3D concert experience, EUA, 2009)
Registro da turnê Burning up, de 2008, da banda Jonas Brothers Diretor: Bruce Hendricks. Gênero: Musical. Duração: 76 minutos Elenco: Kevin, Joe e Nick Jonas. Cinemark 12 - 14:05(dublado) 15:55(dublado) 17:55(dublado) 19:45(dublado) Cinemark 3 - 11:30(dublado) 13:30(dublado) 5:25(dublado) 17:20(dublado) 19:20(dublado) 21:15(dublado) 23:10(dublado) Park 4 - 14:00(dublado) 15:50(dublado) 17:40(dublado) 19:30(dublado) 21:20(dublado). Classificação livre

A Festa do Garfield
(Garfield's fun fest, EUA, Coreia do Sul, 2008)
Garfield precisa largar a preguiça de lado para enfrentar um inimigo e conquistar uma garota. Diretor: Mark A.Z. Dippé e Eondeok Han Gênero: Animação. Duração: 79 minutos. Horários e Salas Arcoplex 2 - 14:00 (dublado) 15:40(dublado) Cine Premier Sobradinho 2 - 15:30(dublado) 17:30(dublado) 19:20(dublado) 21:00(dublado) Cinemark 4 - Taguatinga - 15:10(dublado). Classificação livre

A Mulher Invisível
(Brasil, 2009)
Recém-divorciado inicia relacionamento com mulher perfeita que ele mesmo inventou. Diretor: Cláudio Torres. Gênero: Comédia. Duração: 105 minutos. Elenco: Selton Mello, Luana Piovani e Vladimir Brichta. Brasília 2 - 21:40 Cinemark 8 - 19:50 22:15 Park 5 - 19:40 21:50 Pátio 1 - 22:00 Terraço 1 - 19:10 21:30. Classificação 14 anos

Anjos e Demônios
(Angel & demons, EUA, 2009)
O professor Robert Langdon investiga o assassinato de importante cientista para impedir ataque terrorista ao Vaticano. Diretor: Ron Howard. Gênero: Ação. Duração: 140min. Elenco: Tom Hanks, Ayelet Zurer e Ewan McGregor. Academia de Tênis 1 - 16:10 19:00 21:50 Arcoplex 3 - 13:20 16:00 18:40 21:20 Brasília 3 - 15:00 18:00 20:50 Cinemark 11 - 13:10 16:10 19:10 22:20 Cinemark 13 - 11:00 13:55 17:05 20:05 23:15 Cinemark 2 - Taguatinga - 12:30 15:20 18:10 21:20 Cinemark 4 - 12:05 15:15 20:35 Cinemark 5 - 11:55 14:55 17:50 21:00 Cinemark 6 Taguatinga - 14:20 19:30 Cinemark 7 - Taguatinga - 11:50(dublado) 14:50(dublado) 17:50(dublado) 20:50(dublado) Deck Norte III - 16:10 19:00 21:40 Embracine 2 - 15:20 18:10 21:00 Embracine 5 - 14:40 17:40 20:30 Liberty 3 - 14:00 16:50 19:40 Liberty 4 - 15:25 18:15 21:05 Park 2 - 14:50 17:40 20:30 Park 10 - 15:00(dublado) 18:00 21:00 Park 11 - 19:10 Pátio 2 - 15:20 18:10 21:00 Pátio 5 - 15:00(dublado) 17:50(dublado) 20:40(dublado) Terraço 3 - 15:00(dublado) 18:00 20:50. Classificação 16 anos

Budapeste
(Brasil/ Hungria/ Portugal, 2009)
Baseado no livro de Chico Buarque, narra a história de um ghost writer que se divide entre a família no Brasil e um romance em Budapeste. Diretor: Walter Carvalho. Gênero: Drama. Duração: 113 minutos Elenco: Leonardo Medeiros, Giovanna Antonelli e Gabriela Hámori. Academia de Tênis 2 - 14:50 17:00 19:10 21:20 Brasília 2 - 14:20 16:50 19:20 21:40 Cinemark 10 - 15:00 Embracine 1 - 14:30 16:40 19:00 21:20 Park 11 - 16:40 21:50. Classificação 16 anos

Divã
(Brasil, 2009)
As conversas com um psicanalista ajudam uma mulher de 40 anos a mudar de vida. Diretor: José Alvarenga Jr. Gênero: Comédia. Duração: 123 minutos. Elenco: Lilia Cabral, José Mayer, Reynaldo Gianecchini e Cauã Reymond. Arcoplex 2 - 19:30 21:20 Cinemark 1 - 12:50 15:05 17:15 19:25 21:45 23:55 Cinemark 9 - Taguatinga - 12:50 15:00 17:10 19:20 21:25 Liberty 1 - 19:00 21:00 Pátio 1 - 20:00 Terraço 1 - 17:00. Classificação 14 anos

Heróis
(Push, EUA, 2009)
Jovens com poderes de telepatia e clarividência têm de se esconder de uma agência secreta do governo. Diretor: Paul McGuigan. Gênero: Ação. Duração: 111 minutos. Elenco: Colin Ford, Joel Gretsch e Djimon Hounsou. Cinemark 4 - Taguatinga - 12:40 17:20 19:40 22:00. Cinemark 7 - 11:50 14:15 16:45 19:35 22:05 Park 8 - 14:00 16:30 19:00 21:30.

Killshot - Tiro Certo
(Killshot, EUA, 2008)
Casal incluído no programa de proteção de testemunhas do governo americano é perseguido por um matador profissional e por um assassino psicótico. Diretor: John Madden. Gênero: Suspense. Duração: 84 minutos. Elenco: Diane Lane, Mickey Rourke e Rosário Dawson.Brasília 4 - 14:50 17:00 19:10 21:30 Cinemark 1 - Taguatinga - 17:25 19:45 22:05 Cinemark 10 - 12:25 17:30 20:00 22:25 Park 9 - 14:50 17:20 19:30 21:40. Classificação 16 anos.

Os Falsários
(The counterfeiters, Alemanha/
Áustria, 2007)
A história real de um falsário obrigado pelos nazistas a fabricar dinheiro num campo de concentração. Diretor: Stefan Ruzowitzky. Gênero: Drama. Duração: 98 minutos Elenco: Karl Markovics, August Diehl e Devid Striesow. Academia de Tênis 3 - 15:30 17:30 19:30 21:30 Arcoplex 1 - 14:10 17:10 19:10 21:10 Embracine 4 - 14:50 17:00 19:15 21:15 Liberty 2 - 15:00 17:00 19:00 21:30. Classificação 14 anos.

Uma Noite no Museu 2
(Night at the museum: battle of the Smithsonian, EUA, 2009)
O fenômeno das peças de museu que ganham vida volta a acontecer, mas desta vez no Smithsonian, em Washington. Diretor: Shawn Levy. Gênero: Comédia. Duração: 108 minutos. Elenco: Ben Stiller, Amy Adams e Owen Wilson. Brasília 1 - 14:00 16:20 18:40 21:00 Cinemark 2 - 11:40(dublado) 14:00(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:30(dublado) Cinemark 3 - Taguatinga - 13:00(dublado) 15:30(dublado) 18:00(dublado) 20:30(dublado) Cinemark 5 Taguatinga - 11:40(dublado) 14:00(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:30(dublado) Cinemark 6 - 13:00 18:00 20:30 23:00 Cinemark 6 - Taguatinga - 11:55 17:15 22:20 Cinemark 9 - 12:10 14:40 17:10 19:30 22:00 Embracine 3 - 14:30 17:00 19:10 21:20 Multicine Cinemas 2 - 14:30(dublado) 16:30(dublado) 19:00(dublado) 21:00(dublado) Park 1 - 14:20(dublado) 16:40(dublado) 19:00(dublado) 21:20(dublado) Park 3 - 13:50(dublado) 16:10(dublado) 18:30(dublado) 20:50(dublado) Park 7 - 14:40 17:10 19:30 21:40 Pátio 4 - 14:40 17:00 19:20 21:40 Pátio 6 - 14:20(dublado) 16:40(dublado) 19:00(dublado) 21:20(dublado) Terraço 4 - 14:00(dublado) 16:20(dublado) 18:40(dublado) 21:00(dublado) Terraço 5 - 14:20 16:40 19:00 21:20 Top Mall 2 - 16:30 20:30. Classificação 12 anos.

X-Men Origens: Wolverine
(X-Men origins: Wolverine, EUA)
Wolverine busca as respostas para os mistérios que rondam seu passado.
Diretor: Gavin Hood. Gênero: Ação. Duração: 107 minutos. Elenco: Com Hugh Jackman, Ryan Reynolds e Liev Schreiber. Arcoplex 2 - 17:20 Cine Premier Sobradinho 1 - 16:20(dublado) 18:40(dublado) 21:00(dublado) Cinemark 4 - 18:10Cinemark 8 - Taguatinga - 12:00(dublado) 14:30(dublado) 16:45(dublado) 19:10(dublado) 21:40 Deck Norte I - 17:00 19:20 21:40 Embracine 6 - 14:30 19:20 Liberty 1 - 14:40(dublado) 16:50(dublado) Multicine Cinemas 1 - 15:00(dublado) 17:00(dublado) 19:00(dublado) Park 6 -14:30(dublado) 16:50(dublado) 19:10 21:30 Pátio 3 - 14:30(dublado) 16:50(dublado) 19:10 21:30 Terraço 1 - 14:40(dublado) Terraço 2 - 21:40 Top Mall 1 - 14:30(dublado) 16:30(dublado) 18:30(dublado) 20:30. Classificação 14 anos.

CINE ESPECIAL

A permanência do tempo – filmes de Johan Van Der Keuken
Retrospectiva sobre a obra de um dos mais originais e consagrados documentaristas contemporâneos. Durante 40 anos, o holandês realizou cerca de 50 filmes, entre curtas, médias e longas-metragens. Hoje às 18h30 – Paris ao Amanhecer (Paris at Dawn, Holanda, 1960, P&B, 10 min) + Big Ben/Ben Webster na Europa (Big Ben/Ben Webster in Europe, Holanda, 1967, P&B, 31 min) + Beppie (Holanda, 1965, P&B, 38 min), 20h30 – A Nova Era do Gelo (The New Ice Age, Holanda, 1974, cor, 80 min). Informações: 3310-7081. Entrada franca.

MÚSICA

Adoraroda
Hoje às 21h, no Bar do Calaf (SBS Qd. 02 Ed. Empire Center Lj 51/57), o grupo apresenta um repertório de clássicos do samba tocando sucessos de Paulinho da Viola, Cartola, Noel Rosa, Nelson Cavaquinho e Dona Ivone Lara. Ingressos: R$10. Informações: 3325-7408. Classificação 18 anos.

Gilbertos Come Bacon
Hoje às 20h, no UK Brasil Pub (SCLS 411 Bl. B Lj. 28), show-festa de lançamento do primeiro disco do grupo, com participação das bandas Velhos e Usados (DF) e Ilustra.
Ingressos: R$15. Informações: 3346-5214.
Dorival para sempre Caymmi
Dias 03/06 (quarta), 04/06 (quinta) e 05/06(sexta), às 21h45, no Clube do Choro (SDC, próximo ao Centro de Convenções). Apresentação de diversos artistas em homenagem a Dorival Caymmi. Nesta semana o grupo “No Olho da Rua”. Ingressos: R$20 e R$10. Informações: 3224-0599. Classificação 14 anos.

Galinha Caipira Completa - Dia 03/06 (quarta), às 20h, no SESC Ceilândia
Teatro Newton Rossi (QNN 27, Lote B, Ceilândia Norte. O grupo faz série de shows itinerantes para mostrar novo trabalho e aproximar a música instrumental de jovens de escolas públicas do DF. Com Entrada franca para os estudantes do Sesc e aberta ao público em geral. Ingressos: R$ 2 (inteira) e R$ 1(meia). Classificação livre.

SHOW

Lenine
Dia 05/06 (sexta), às 22h, no Centro de Convenções de Brasília
O cantor pernambucano volta a Brasília para apresentação única do show de lançamento do CD Labiata. Ingressos: Inteira: R$ 160 (Setor 1), R$ 120 (Setor 2) e R$ 80 (Setor 3) Meia: R$ 80 (Setor 1), R$ 60 (Setor 2) e R$ 40 (Setor 3). Ponto de venda: Loja da TIM do Pátio Brasil Shopping. Terão direito ao desconto de 50%: Carteira de estudante (com comprovação de frequência e professor), Pagamento com Visa Electron. Informações: 3037-8080.

DANÇA

XYZ 2009
Dia 03/06 (quarta) às 21h, na sala Martins Penna (Teatro Nacional), Autorretrato dinâmico com o Antistatusquo Cia de Dança. Projeto que reúne grupos e artistas da dança contemporânea. Informações: 3325-6239. Entrada franca. Classificação 12 anos.

EXPOSIÇÃO

Virada Russa
Exposição que reúne 123 obras dos mais renomados artistas da chamada vanguarda russa, vindas diretamente do acervo do State Russian Museum. As obras expressam a efervescência artística e cultural dos anos anteriores ao Outubro Vermelho, que seguiram várias vertentes como o Não-Objetivismo e, principalmente, o Suprematismo e o Construtivismo. De terça a domingo, das 9h às 21h, no Centro Cultural Banco do Brasil.

Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 02 de junho de 2009

Público vira torcida e participa do espetáculo

Tribuna do Brasil (DF)
02/06/2009
Divulgação

Peça “Jogando no Quintal” estreia em Brasília no próximo fim de semana
O espetáculo de improviso “Jogando no Quintal” estreia turnê nacional em Brasília, próximo fim de semana, no Teatro dos Bancários. Inteligente e divertida, a atração é baseada na estrutura de um jogo de futebol, onde os palhaços - atletas do elenco criam cenas na hora, a partir de temas sugeridos pelo público, que também atua elegendo as melhores improvisações.
Para levar as pessoas a terem a mesma sensação de descontração, alegria e espontaneidade que o jogo proporciona, a opção foi abandonar o espaço cênico convencional e levar a plateia para o lugar de origem das primeiras brincadeiras do grupo: o quintal.
No “Jogando no Quintal”, a participação do torcedor é fundamental. O público participa ativamente, fazendo a “Hola”, incentivando o seu time e gargalhando à vontade. Quanto mais animada a plateia, mais quente a partida.
Cabe ao juiz e aos atletas criarem essa atmosfera desde o momento em que o público entra no estádio. Para manter a plateia aquecida, os palhaços recebem os torcedores com uma surpresa bem brasileira. Além do ritmo da partida, um dos torcedores é escolhido para ser o “plaqueiro” do jogo. É ele que assume a grande responsabilidade de marcar cada ponto conquistado ao longo da partida. O espetáculo é um misto de improvisação e interação.
Alguns espectadores têm ainda que exercer funções fundamentais para o andamento do jogo: são os capitães de cada time, sendo eleitos pelos próprios palhaços que os escolhem com uma simpática homenagem. Os capitães podem ser convocados pelo juiz para responder pelo time no caso de uma jogada controversa. Se após consultar a torcida, o juiz ainda ficar em dúvida sobre o time vencedor, os capitães são chamados pelo árbitro para desempatar a rodada.
Com juiz e hino, o jogo é disputado por dois times de três palhaços-atletas cada, acompanhado por uma banda de música que cria sons e melodias ao vivo. Os palhaços improvisam cenas a partir de temas sugeridos pelo público. Cada rodada é diferente e tem um desafio novo para os palhaços: improvisar uma cena em dez segundos, criar uma história, o jogo das letras e muito mais. Ao final de cada rodada, o próprio público/torcida vota no time que fez a melhor improvisação. Cada vitória vale um ponto e, assim, o placar vai sendo construído.


SUCESSO DE PÚBLICO
Há sete anos em cartaz em São Paulo, a atração já foi vista por mais de 180 mil pessoas e permanece como um dos três únicos espetáculos da cidade com 100% de lotação. O “Jogando no Quintal” foi criado em 2001, pelos palhaços César Gouvêa (Cizar Parker) e Marcio Ballas (João Grandão), com a ideia de unir em um único espetáculo a suas grandes paixões: o palhaço e a improvisação. Para isto utilizaram o quintal da casa de César.

Atraídos pela possibilidade de se pesquisar algo novo e interessante nessa linguagem, palhaços com bastante experiência profissional foram aos poucos se juntando à dupla. No início de 2008, os integrantes do “Jogando no Quintal” foram campeões mundiais de improviso no Mundial de Match de Improvisação, que fez parte do XI Festival Ibero Americano de teatro de Bogotá, na Colômbia, derrotando as equipes da Argentina, Espanha e Colômbia, a dona da casa, em votação decidida pelo público.

Jogando no Quintal

Dias 06, às 21h e 07, às 19h
Teatro dos Bancários
Ingressos R$ 30,00 e R$ 15,00
Classificação livre


Fonte : Tribuna do Brasil
Data : 02 de junho de 2009

Cineasta é homenageado em mostra no CCBB

Jornal de Brasília
02/06/2009

O público brasiliense tem a oportunidade de conhecer a maior parte da produção do holandês Johan van der Keuken. A mostra A permanência do tempo – Filmes de Johan van der Keuken vai exibir, de hoje, 3, a 14 de junho, 28 filmes, dentre títulos consagrados internacionalmente, como Amsterdam Global Village e Face Value - que o próprio cineasta considerava duas de suas principais obras -, Big Ben/Webster in Europe e até mesmo seu último filme, Férias Prolongadas.

O holandês Johan van der Keuken realizou cerca de 50 filmes durante 40 anos, entre curtas, médias e longas-metragens, que oferecem ao espectador possibilidades diferentes e inovadoras de mirar o mundo contemporâneo. Consensualmente considerado um dos mais importantes documentaristas da era moderna, Keuken criou verdadeiras epopéias documentais que ajudam o homem contemporâneo a se compreender melhor e o mundo que o rodeia.

Estão na programação todos os principais títulos que fizeram de van der Keuken um dos mais conceituados documentaristas da história do cinema mundial. Cineasta, fotógrafo, experimentador, Johan van der Keuken produziu muito e manteve sempre uma coerência em todo seu trabalho: seu cinema é construtivo, não apresenta verdades absolutas e é feito de partes que vão se encaixando para que o espectador forme sua opinião sobre o que está sendo apresentado na tela. Sua obra Amsterdam, Global Village (1996) é uma epopéia documental de quase 4 horas de duração, que se transformou numa referência como retrato poético de uma cidade e das relações humanas que ela estabelece com o resto do mundo. Van der Keuken deixou um enorme acervo fotográfico e uma obra cinematográfica vasta, inigualável.

O realizador, que faleceu em 2001, gostava de falar filosoficamente sobre seu trabalho: “fotografar porque o tempo passa demasiado depressa, filmar porque o tempo me faz falta”.
Johan van der Keuken era seu próprio cameraman e gostava de filmar livremente, a partir de uma ideia inicial. Seu interesse foi sempre o homem e suas relações, como ele se relaciona com as mais diversas realidades. O cineasta esteve no Brasil, em 1999, como homenageado do É tudo verdade - Festival internacional de documentários. Na ocasião, foram exibidos oito de seus filmes.

A mostra A permanência do tempo é, portanto, a maior retrospectiva já feita sobre o cineasta no País. Dentre seus filmes mais importantes destacam-se Amsterdam Global Village (1996), Big Ben (1967), O Estúdio de To San (To Sang Fotostudio (1997), Paris ao Amanhecer (Paris à l´Aube (1957-1960), A Nova Era do Gelo (The New Ice Age (1974), O Olho sobre o Poço ( The Eye Above the Well (1988), Valor de Face ( Face Value, 1991) e Caminhos para o Sul (The Way South, 1981).

Serão duas sessões, de terça a sexta-feira, e três no sábado e domingo, sempre com entrada franca. A curadoria é do cineasta, professor e crítico Sérgio Moriconi. No dia 09, após a sessão das 18h30, haverá um debate sobre a obra do diretor com a participação do cineasta Vladimir Carvalho.


Serviço:
A Permanência Do Tempo – Filmes De Johan Van Der Keuken
Local: Cinema do Centro Cultural Banco do Brasil - Brasília
Data: 2 a 14 de junho de 2009
Horários: de terça a sexta, às 18h30 e 20h30;
sábados e domingos, às 16h00, 18h00 e 20h00 (com exceções – ver programação)
Entrada franca
Informações: (61) 3310. 7081

Da redação do Clicabrasilia, com agência CCBB Brasília

Encontrados objetos pessoais de prisioneiros de Auschwitz

Jornal de Brasília
02/06/2009

Centenas de objetos pessoais pertencentes a prisioneiros do campo de concentração nazista de Auschwitz (sul da Polônia) foram encontrados durante os trabalhos de manutenção de um dos antigos crematórios, informa hoje a direção do museu deste campo.

Entre os objetos há joias, lembranças familiares, brinquedos e cosméticos, os últimos pertences de algumas das vítimas do nazismo mortas em Auschwitz.

Parte desta descoberta, que acontece mais de 60 anos depois da libertação do campo de concentração, pertencia a judeus húngaros, deportados à Polônia pelas autoridades nazistas, já que muitos objetos têm inscrições nesse idioma.

Calcula-se que mais de 400 mil judeus foram enviados da Hungria a Auschwitz, onde quase todos perderam a vida.

O museu do campo de concentração indicou que os objetos encontrados serão exibidos em breve no local, visitado todos os anos por centenas de milhares de turistas de todo o mundo.

Mais de um milhão de pessoas perderam a vida em Auschwitz, entre judeus, ciganos, homossexuais e membros da resistência europeia contra o Exército alemão.

EFE